Mais Imagens

  • Teoria do design gráfico
  • Teoria do design gráfico
  • Teoria do design gráfico
  • Teoria do design gráfico
  • Teoria do design gráfico
  • Teoria do design gráfico

Teoria do design gráfico

Em estoque

R$79,90
  • Tradução Claudio Marcondes
  • Organização Helen Armstrong
  • Prefácio Ellen Lupton
  • Design Elaine Ramos
  • Editora Ubu

características

Idioma português

Tipo brochura

o livro se desdobra em uma linha do tempo

Formato 16 × 23 cm

Páginas 208

Peso 458 g

ISBN 978-85-7126-018-4

Imagens 91

Textos F. T. Marinetti, Aleksandr Ródtchenko, El Lissítzki, László Moholy-Nagy, Jan Tschichold, Herbert Bayer, Josef Müller-Brockmann, Paul Rand, Robert Venturi, Karl Gerstner, Kenya Hara, Jessica Helfand, Steven Heller, Kalle Lasn, Ellen Lupton, Julia Lupton, Ketherine McCoy, Lev Manovich, Michael Rock, Paula Scher, Dmitri Siegel, Jan van Toorn, Wolfgang Weingart, Lorraine Wild

descrição

Reunião de 24 textos teóricos fundamentais de protagonistas da teoria e da prática do design como Aleksandr Ródtchenko, El Lissítzki, Jan Tschichold, Herbert Bayer, Paul Rand, Wolfgang Weingart, Catherine McCoy e Paula Scher. Organizada cronologicamente, a seleção começa com os escritos combativos do início do século XX, como o “Manifesto futurista” de F. T. Marinetti, e se estende até o debate contemporâneo, incluindo textos atuais como “Projetando o design” de Kenya Hara.
 
A edição está organizada em três partes, que foram separadas em três livretos grampeados, cada um impresso em um pantone, e todos reunidos pela capa. A capa, que se abre numa faixa de quase um metro, é uma linha do tempo que localiza o ano de cada texto e o tempo de vida de cada autor, evidenciando as convivências e sobreposições. Essa prancha é ainda o sumário do livro, e tem uma imagem referencial de cada texto. O volume inclui ainda uma breve contextualização histórica de cada texto, além de um glossário e uma bibliografia.
 
 
Textos disponíveis no livro, por ordem de publicação:

A criação da disciplina
Introdução
Prefácio, Ellen Lupton

 

Manifesto Futurista, por F. T. Marinetti, 1909
Quem somos: manifesto do grupo construtivista, por Aleksandr Ródtchenko, 1922
Tipofoto, por László Moholy-Nagy, 1925
Nosso livro, por El Lissítzki, 1926
A Nova Tipografia, por Jan Tschichold, 1928
A taça de cristal, ou por que a tipografia deve ser invisível, por Beatrice Warde, 1930
Projetando programas, por Karl Gerstner, 1964
Sobre a tipografia, por Herbert Bayer, 1967
Aprendendo com Las Vegas: o simbolismo (esquecido) da forma arquitetônica, por Robert Venturi, 1977
O grid e a filosofia do design, por Josef Müller-Brockmann, 1981
Bom design é boa vontade, por Paul Rand, 1987
A tipografia como discurso, por Katherine McCoy e David Frej, 1988
A escuridão no meio da escada, por Paula Scher, 1989
Design e reflexividade, por Jan Van Toorn, 1994
O designer como autor, por Michael Rock, 1996
O macramê da resistência, por Lorraine Wild, 1998
Meu caminho para a tipografia, por Wolfgang Weingart, 2000
A desmaterialização do espaço da tela, por Jessica Helfand, 2001
Anarquia no design, por Kalle Lasn, 2006
Projetando os nossos próprios túmulos, por Dmitri Siegel, 2006
Projetando o design, por Kenya Hara, 2007
A vingança da Univers, por Ellen e Julia Lupton, 2007
O mainstream alternativo, por Steven Heller, 2008
Importação/ exportação, por Lev Manovich, 2008

 

Bibliografia selecionada
Glossário

Comentários

Qualidade
1 Review(s)

o que você achou do livro?

You're reviewing: Teoria do design gráfico

How do you rate this product? *

  • Qualidade
    vitor
    se eu pudesse recomendar apenas um livro essencial para entender design gráfico, seria esse. a versão em inglês foi companheira e guia durante meu mestrado em design, desde a primeira aula até a entrega da minha tese.

    agradecimentos à ubu por fornecer aos leitores brasileiros uma tradução digna de textos que deveriam fazer parte do repertório de qualquer designer.

    destaco o projeto gráfico do livro como um todo, em especial a capa-timeline, que ajuda o leitor a contextualizar escritas que, mesmo antigas, continuam relevantes e pertinentes.
x
cálculo de frete e prazo