Pedro Motta

Nascimento: 1977, Belo Horizonte, Brasil

Artista plástico que usa a fotografia como suporte de seus trabalhos. Graduou-se em desenho pela Escola de Belas Artes da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) em 2002. Iniciou sua atividade artística pesquisando as estreitas relações entre cidade e indivíduo. Entre suas principais exposições individuais destacam-se Jardim do ócio, Galeria Luisa Strina (São Paulo, 2018); Naufrágio calado, Bendana-Pinel Art Contemparain (Paris, 2018); Estado da natureza, CâmeraSete (Belo Horizonte, 2016); Natureza das coisas, 9º BES Photo, Museu Coleção Berardo (Lisboa, 2013); e Reacción natural, Centro de Exposiciones Subte (Montevidéu, 2011). Já foi contemplado com diversos prêmios, como o 6º Prêmio Marcantonio Vilaça (2017), o Prêmio Ibram de Arte Contemporânea (2011) e a Residency Unlimited/Nova York (2011). Seus trabalhos integram acervos de instituições como MAM-SP, MAM-RJ, MAM-BA, Masp, Sesc-SP, MAR-RJ, Museu Coleção Berardo (Lisboa), Centro de Fotografia de La Intendência de Montevideo e Itaú Cultural. As paisagens e os espaços naturais e rurais da região do Campo das Vertentes (MG) são o foco das pesquisas mais recentes do artista, que vive em São João del Rei com a companheira Kátia Lombardi e os cachorros Ringo e Panda.

Obras selecionadas:

Paisagem submersa (Cosac Naify, 2008)

Temprano (Funarte, 2010)


Autor

Natureza das coisas

Dez das mais significativas séries do artista e fotógrafo Pedro Motta são analisadas por críticos brasileiros e internacionais....
ver mais

R$ 89,00

recentemente visitados